A Radio que só toca top , a sua noticia em primeiro lugar ,

Prefeito de Cuiabá admiti em demitir servidores pra cortar gastos

BANDEIRA-EMANUEL.jpeg

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) calcula que o impacto das novas medidas adotadas na economia por conta da pandemia do novo coronavírus, na arrecadação do município deverá ser de R$ 20 milhões ao mês. Metade disso, R$ 10 milhões se deve à prorrogação do recolhimento do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN)  pelos próximos 90 dias.

Já os outros R$ 10 milhões ao menos ocorrerá por conta do novo parcelamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), que passará de 8 para 4 vezes, a partir de setembro. E para quem optou pela cota única, ou seja, pagar em uma única vez, a data passou para julho.  “Não posso te precisar o valor do impacto, mas por cima podemos dizer que ficará em uma média de R$ 10 milhões por mês que vamos deixar de arrecadar nesse período de IPTU. É um impacto forte nas nossas finanças, mas necessário”, disse o prefeito.

 

Apesar do impacto, Emanuel Pinheiro garante que não afetará o pagamento de salários dos servidores. “Salário é sagrado e mesmo nesta dificuldade a gente vem trabalhando para manter isso”, garante.

Porém, Emanuel Pinheiro adianta que novas medidas de contenção de gastos dentro da prefeitura serão anunciadas como possível cortes de cargos comissionados na máquina pública. “Estamos estudando novas medidas e corte de comissionados está dentro desse estudo. Assim como estamos essas medidas que anunciamos hoje (na quinta-feira), também estamos estudando o corte na maquina pública”, finaliza

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.